Quais erros devem ser evitados para que meu casamento dure para sempre?

Fazer uma escolha não é fácil e quando está em risco, o seu futuro e o de outra pessoa é uma tarefa de responsabilidade, sinceridade e comprometimento. Gostaríamos de destacar as razões principais pelas quais atualmente os casamentos não duram; ajudando os noivos a prevenir futuros erros em seu relacionamento.

1- Jamais diga que o casamento é uma loteria.

Este é um ensinamento do qual é fixado no inconsciente de todos, uma errônea instrução que tem partido dos meios de comunicação e se espalhado entre a sociedade. O casamento está banalizado e costumam a demonstrá-lo sendo nada mais que uma simples loteria, outros dizem: “se der certo é bom, se não divorcia e pronto”. Na verdade esta frase pode ser uma realidade aos que não acreditam em uma direção de Deus para sua vida e sendo assim jogam suas decisões nas mãos da sorte. Não temos o poder de saber o futuro, mas Deus por ser onisciente sim.
O casal que tiver uma ligação de intimidade com ele vai fazer uma escolha acertada. Baseado nisto, afirmamos categoricamente, casamento não é uma tentativa de ser feliz, deve ser um acerto, realizado sobre a certeza do amor mutuo e benção divina.

2- Egoísmo

Temos visto continuamente muitos divórcios, pessoas baseando seus relacionamentos e sentimentos, em atitudes egoístas e individualistas; não levando em consideração a fidelidade, respeito e amor um para com o outro.

Atualmente o que interessa é ser feliz e não mais fazer o outro feliz. Se a regra mudasse e as pessoas casassem para fazer o outro feliz, jamais os relacionamentos terminariam em frustação. Assim todas as atitudes se refletirão numa ação de amor e respeito, onde a satisfação da própria felicidade será a do outro, refletindo assim responsabilidade consigo e com Deus. Mas não estamos falando em anular-se, essa palavra e vazia e não espelha a realidade de um casal na direção de Deus.

3- Falta de companheirismo

Você já se perguntou o porquê foram criados macho e fêmea? A resposta esta em Gênesis 2:18 “Não é bom que o homem esteja só: far-lhe-ei uma adjutora que esteja como diante dele”. A mulher tem o papel fundamental de ser companheira do homem e ele evidentemente retribuir este companheirismo, com muito amor e compreensão valorizando o que Deus achou “Bom” estar ao lado dele. Casamento é uma sociedade, então sejam unidos em todas as fases; as boas e as ruins. O ideal é serem perseverantes em todos os projetos e objetivos; assim serão prósperos em tudo.

 

4- Casar com o verdadeiro amor

Outra mentira propagada pela sociedade, é que o amor não existe e é uma ilusão passageira. Sendo assim alguns casam apenas para ter uma companhia, outros por dinheiro, sexo e outras razões. Mas o único fator que faz um casamento durar até o fim; mesmo em meio ao mais forte vendaval, é o amor.

Outro terrível erro é afirmar: “Vou me casar para depois tentar amá-lo(a)”. Está errado! Primeiro ame-a(o) para depois casar. Matrimônio sem um sentimento forte e verdadeiro é fadado ao fracasso. E não deixe que suas frustações amorosas façam você desistir deste sentimento. Ele existe e na hora certa vai acontecer na sua vida.

Escrito por:  Ev. Cleuvis Casagrande e Jorgeana  Câmara Casagrande  Site: www.evcleuvis.com.br  - Tels.: (44) 3023-6979  | 9932-4343 (Tim) | 9157-0399 (Vivo)

Obs: Você pode usar este artigo em quais meios desejar, desde que citadas as fontes completas.

Convencidos ou convertidos?

Estamos passando por um período de grande crescimento das igrejas evangélicas, e dentre aos que tem chegado, encontram-se aqueles que por serem “simpatizantes” do evangelho, se candidatam a serem evangélicos e acreditam já estar selecionado ao grupo dos salvos.

A questão é que existe uma diferença muito grande entre um convertido e um convencido. Jesus era acompanhado de uma grande multidão de seguidores, estes simpatizantes pelos feitos de cristo eram fãs do mestre, mas os convertidos se contavam nos dedos. Certa vez Jesus pregava um duro sermão e os convencidos escandalizaram-se e foram saindo um após o outro até que Jesus disse aos pouquíssimos que restaram: vocês também não desejam se retirar? (Jo 6.60-67)

O maior problema, é que não existem apenas membros convencidos, a bíblia também fala de um grupo de líderes convencidos da salvação, mas não a terão. Dentre eles: pastores, evangelistas, diáconos e outros.

Alguns líderes também precisam se converter nesta geração. (Mt 7.21-23)

Veja as características do convertido e do convencido:

1º O convencido vai a igreja, louva a Deus com os lábios, mas seu coração esta distante de Deus. (Mc.7,6) O convertido até com seu testemunho presta louvor ao Senhor.


O convencido tem comichão nos ouvidos, e procura doutores que preguem e aceitem suas próprias concupiscências (2 Tim 4:3), o convertido aceita a exortação e muda suas atitudes. (Fp 3:14)

O convencido vive de emocionalismo acreditando estar vivendo o avivamento. O convertido vive em constante transformação de caráter, porque sabe que “o verdadeiro avivamento é aquele que gera mudanças de atitudes”. Lembre-se que o tambor apesar de todo o barulho que faz, esta somente cheio de ar.

4º Os convertidos creem que a igreja é um hospital para os pecadores e parte em busca das almas, os convencidos creem que a igreja é uma galeria de santos e só pensa na própria salvação.(Mt 7:19)

O convertido olha para Jesus, mas o convencido vive a olhar para o homem o tempo todo, julga os outros e esquece de julgar a si mesmo. (Mt 7.5)

O convertido vive em vigilância até o final da vida, já o convencido pensa que por ser crente há muito tempo o torna um salvo. Pedro apesar de ter acompanhado tantos milagres, teve o próprio Jesus o retratando de convencido (Lc 22: 32). O convencido Pedro traiu a Jesus três vezes e teve que se converter.

Jeremias orou: “Converte-nos a ti, Senhor, e seremos convertidos” (Lm 5: 21). Vivamos em constante aperfeiçoamento de caráter, Aquele que diz que está nele, também deve andar como ele andou. (1 Jo 2:6)

Escrito por:  Ev. Cleuvis Casagrande e Jorgeana Câmara Casagrande  Site: www.evcleuvis.com.br  - Tels.: (44) 3023-6979  | 9932-4343 (Tim) | 9157-0399 (Vivo)

Obs: Você pode usar este artigo em quais meios desejar, desde que citadas as fontes completas.

Cinco passos importantes para ter uma vida sentimental feliz

1- Em primeiro lugar devemos orar sempre pedindo a vontade de Deus para nossa vida.

Nunca devemos entrar em um relacionamento sem saber se Deus esta de acordo com nossa decisão.

Isto deve ser feito porque somente Deus é conhecedor do futuro e também da vida diária da pessoa que estamos desejando nos relacionar, centenas de pessoas escondem a sua personalidade, caráter e suas atitudes no período do namoro, porém quando casam começam a mostrar o que são e alguns casamentos não passam dos primeiros anos devido as muitas surpresas na vida de seu companheiro, diálogos como: "Você não era assim quando namorávamos, eu não te conheci assim" são assuntos comuns de acontecer após o casamento.Isto é devido a não ter buscado a vontade e a direção de Deus antes do casamento, talvez se orassem não casariam enganados porque Deus iria dar a direção antes de consumarem o matrimônio, somente ele é conhecedor dos corações e também do que acontecerá no futuro.

2- É necessário amar verdadeiramente o seu companheiro(a)

Muitos relacionamentos não são felizes devido a falta de amor, sendo assim são relações que faz juz ao ditado popular "relacionamentos empurrados com a barriga". Existem centenas de razões que levam as pessoas a casarem sem amor, e alguns desses motivos são:

* Casar por causa do sexo
* Por causa da solidão
* Por medo de ficar solteiro(a)
* Medo de não arrumar alguém melhor do que o atual cônjuge, dentre outras centenas de motivos que levam os casais a casarem sem terem o verdadeiro amor um pelo outro.

Mas é necessário lembrar que casamento é para sempre, divorcio é abominação diante dos olhos do senhor. Amando verdadeiramente a pessoa da qual estamos já é difícil manter um relacionamento, imagine quando não existe amor. Como a bíblia diz o amor tudo suporta, mas se não amarmos de verdade a pessoa da qual nos relacionamos o primeiro vento que vier sobre o relacionamento irá destruir o casamento, portanto ame de verdade, caso contrario não se case. Você será bem mais feliz com a Companhia da solidão do que com alguém que não ama, pode ter certeza disto. Outra palavra comum de acontecer é a seguinte: "Eu não o amo, mas terei a vida toda para amá-lo" Estas são palavras de pessoas que enganam a si mesmas, se você não consegue amar seu futuro esposo(a) durante o período do namoro, dificilmente isto acontecerá no período do casamento.

3- É necessário ser amado(a).

Outra situação bem comum é a pessoa amar e aceitar que seu companheiro(a) não a ame, nunca deve-se aceitar esta situação, você deve amar e ser amado(a) da mesma forma. Casos de maus tratos tanto verbais como físicos não devem ser aceitos, pois quem ama não os fazem.

Nós seres humanos devemos saber que nascemos para ser felizes e não feitos para driblar a solidão na vida de alguém. Se você sabe que não é amado(a) por seu companheiro(a) então tenha um diálogo com ele(a) e siga sua vida para encontrar outro que realmente poderá te fazer feliz, pois alguém que esta com você sem te amar não será capaz de te fazer feliz.

4- Estejam preparados para enfrentarem as lutas do cotidiano no relacionamento.

Nem tudo é mar de rosa, e nem todo casamento é perfeito, todos os casais tem seus problemas, e muitos casam pensando que tudo será sempre perfeito e isto é uma ilusão. Perfeição será quase impossível, em uma relação conjugal sempre existirão problemas a serem resolvidos.

Devido a certos pensamentos muitos casamentos não penduram porque casaram pensando que a vida conjugalo seria como nos contos de história em quadrinhos. Mas o que aconselhamos é que quando vierem os problemas nunca pensem em separar, pensem em orar juntos para buscar a solução vinda da parte de Deus, ele sempre terá a paz que o seu lar necessita.

5- Lembrem-se que por toda vida existirá alguém lutando para ver o fim de seu casamento.

A família é uma instituição criada por Deus, e o diabo odeia isto, ele tenta destruir tudo aquilo que Deus criou para a felicidade do homem, isto sempre ocorreu desde o princípio do mundo. Por este motivo ele luta com todas as suas forças para semear contenda entre o casal, ciúmes, dentre outras variadas artimanhas que tem por objetivo apagar a felicidade do relacionamento.

O que deve ocorrer é que o casal sempre esteja bem próximo de Deus, é altamente recomendável que o mesmo tire todos os dias momentos para buscar a Deus e pedir a sua ajuda diante das circunstâncias. Caso haja oração na relação dificilmente satanás conseguirá destruir, porem se o casal for distante da oração facilmente o relacionamento terá a intervenção do adversário na vida sentimental.

Escrito por:  Ev. Cleuvis Casagrande e Jorgeana  Câmara Casagrande  Site: www.evcleuvis.com.br - Tels.: (44) 3023-6979  | 9932-4343 (Tim) | 9157-0399 (Vivo)

Obs: Você pode usar este artigo em quais meios desejar, desde que citadas a fonte com link.

Contato

Entre em contato e responderemos o mais breve possível.

Email: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

  • Fixo: 44 3023-6979
  • Celular: 44 9932-4343

Encontre-nos no facebook

Nos adicione, participe, curta e compartilhe.
 
 
Você está aqui: Home Estudos e Artigos